domingo, 20 de maio de 2012

Glândulas Endócrinas


O sistema endócrino é constituído por um grupo de órgãos (algumas vezes referidos como glândulas de secreção interna) cuja função principal é produzir e secretar hormônios diretamente no interior da corrente sangüínea. Os hormônios atuam como mensageiros para coordenar atividades de várias partes do corpo.



Os principais órgãos do sistema endócrino são o hipotálamo, a hipófise, a tireóide, as paratireóides, os testículos e os ovários. Durante a gravidez, a placenta também atua como uma glândula endócrina além de suas outras funções. O hipotálamo secreta vários hormônios que estimulam a hipófise: alguns desencadeiam a liberação de hormônios hipofisários e outros a suprimem. Algumas vezes, a hipófise é denominada glândula mestra por controlar muitas funções de outras glândulas endócrinas. Alguns hormônios hipofisários produzem efeitos diretos, enquanto outros simplesmente controlam a velocidade com que outros órgãos endócrinos secretam seus hormônios. A hipófise controla a velocidade de secreção de seus próprios hormônios através de um circuito de retroalimentação (feedback) no qual as concentrações séricas (sangüíneas) de outros hormônios endócrinos a estimulam a acelerar ou a alentecer sua função. Nem todas as glândulas endócrinas são controladas pela hipófise. Algumas respondem de modo direto ou indireto às concentrações de substâncias presentes no sangue:
As células pancreáticas secretoras de insulina respondem à glicose e aos ácidos graxos.
As células paratireoídeas respondem ao cálcio e ao fosfato.
A medula adrenal (parte da glândula adrenal) responde à estimulação direta do sistema nervoso parassimpático. Muitos órgãos secretam hormônios ou substâncias similares aos hormônios, mas, geralmente, eles não são considerados parte do sistema endócrino. Alguns desses órgãos produzem substâncias que atuam somente na área próxima de sua liberação, enquanto outros não secretam seus produtos na corrente sangüínea. Por exemplo, o cérebro produz muitos hormônios cujos efeitos são limitados basicamente ao sistema nervoso.

Principais Glândulas Endócrinas
Add caption

Um comentário:

  1. As principais glândulas e suas funções:

    *Hipotálamo

    O hipotálamo está situado no cérebro e está ligado à hipófise através de uma haste. É o hipotálamo quem regula a secreção dos hormônios produzidos pela hipófise.

    *Hipófise

    A hipófise (também chamada pituitária) está situada dentro de uma concavidade óssea na base do cérebro, localizada atrás da base do nariz. Produz hormônios que comandam a tireóide, as supra-renais, as gônadas (testículos e ovários) e o crescimento.

    *Pineal

    A pineal está localizada no cérebro e produz o hormônio melatonina, que tem papel importante do ritmo noite-dia do corpo.

    *Tireóide

    A tireóide está situada no pescoço, junto à traquéia. Seus hormônios interferem em inúmeros sítios e funções do organismo, especialmente no metabolismo.

    *Paratireóides

    As paratireóides são em número de quatro, situam-se atrás da tireóide, e regulam o metabolismo do cálcio.

    *Supra-renais

    As supra-renais são duas glândulas que, conforme seu nome, situam-se acima dos rins. Os hormônios produzidos nas supra-renais são essenciais para a vida, especialmente em situações de estresse.

    *Ovários

    Os ovários, em número de dois, estão situados um em cada lado do útero. Além de conter as células necessárias para a reprodução, produzem os hormônios que determinam a menstruação e as outras características sexuais femininas.

    *Testículos

    Os testículos, em número de dois, situam-se na bolsa escrotal e produzem hormônios necessários para a reprodução e outras características sexuais masculinas.

    *Pâncreas

    A parte endócrina do pâncreas é a responsável pela regulação do açúcar no sangue.

    ResponderExcluir